Caio Cezar

Janelas da alma ou Windows 2008


 Ao ilustríssimo senhor Marco Cezar, editor desta conceituada revista e meu pai desde 1972.

Caro Papito,
Domingo passado estive no Ribeirão da Ilha, fotografando o Luiz Meira, aquele guitarrista manezinho que toca com a Gal Costa, manja? Tô fazendo a capa do CD que ele vai lançar esse ano, e escolhemos o Ribeirão como cenário.
Êta lugar lindo, né, pai? Gosto de passear em suas ruas antigas com aquele montão de casarões açorianos e aquela praça enfeitada pela igreja. Passamos a tarde inteira pesquisando locações e lá pelas seis da tarde sentamos em frente à praia pra descansar. Daí entrou uma bela luz do sol em uma das casas, comecei a fotografar e só parei quando já era quase noite.
No caminho de volta pra Lagoa pensei que as janelas que fotografei ao longo desses 16 anos de labuta bem que poderiam ser o próximo tema do “Fala Caio”, que tu acha?
Bem, reuni algumas imagens. Vê o que tu acha e qualquer coisa me dê um toque, tranqüilo?

Um beijo, fofucho.

Teu primogênito,
Caio Cezar.







       
Janelas da alma ou Windows 2008
Primeira Impressão | Caio Cezar mostra o que fez no primeiro semestre de faculdade
Meia dúzia de retratos | Caio Cezar dá um rolê no Donna Fashion
Peneira fina | retrospectiva com as melhores do Fala Caio
Embalado...
Diga com quem andas...
       
 
   
desenvolvido por VirtuaComm Soluções Internet