Fala Peludo

Dentista para c„es

 

 Em uma matéria anterior já falei sobre a importância dos cães irem ao dentista.
A receptividade entre os leitores foi enorme. Por isso volto a falar sobre esta novidade.
Mau hálito, sorriso metálico, escovação diária, visita periódica ao dentista não são mais privilégio dos humanos.
Então, estes são temas que dizem respeito aos nossos queridos amigos peludos. Logo, o dono responsável deve, cada vez mais, conscientizar-se dos problemas que serão analisados na Odontologia Veterinária.
Cáries, fraturas, abscessos, fístulas, periodontites, entre outros, se não forem, corretamente tratados, poderão desencadear, além do mau hálito, sérios riscos como metástase, miocardite, pielonefrite, etc., colocando em risco a vida dos cães, tirando sua vitalidade e fazendo-os sofrer pela dor nos dentes e na gengiva, diminuindo ou até tirando o apetite do cão, debilitando-o e gerando várias doenças.
Assim, para o seu pet ter um “sorriso de felicidade” não basta apenas tratá-lo bem (condição indispensável ao dono responsável), mas são necessários muitos cuidados, inclusive, com a boa higiene da boca e tudo o que dela faz parte.
Portanto, para contar sua experiência neste assunto fui entrevistar a Dra. Josaine Maldaner Borges, Médica Veterinária, especialista em Odontologia, que trará maiores detalhes sobre estes procedimentos.
Formada em Medicina Veterinária desde 1996, há 5 anos resolveu fazer algo diferenciado e de suma importância.
 Especializou-se em Odontologia e fez, também, cursos em Cardiologia e Monitoria em Anestesiologia, tanto aqui como em São Paulo e no Texas, Estados Unidos.
Criou a Bucal Vet e, hoje em dia, sua agenda é lotada de cães atrás de um sorriso saudável, brilhante e perfeito.
Dra. Josaine observou que 85% dos cães e 70% dos gatos, após os três anos de idade, podem apresentar algum tipo de doença periodontal.
Oferecendo um tratamento vip para o seu peludo, durante o procedimento, para ele não ter nenhum desconforto, nem sentir dor, faz primeiro uma consulta prévia e exames pré-anestésicos, sendo a anestesia inalatória (a mesma utilizada em pessoas).
Conta, também, com um colchão térmico para o seu dog não sentir frio e tem, ainda, todo o monitoramento cardíaco e a fluídoterapia.
Então, além do tratamento ser super importante para a saúde do seu cão é, extremamente seguro e feito por pessoa qualificada.
Seu cão estará em boas mãos!
São vários os serviços odontológicos que a Dra. Josaine oferece: raspagem de tártaro, polimento dentário, redução de cárie com amálgama ou resina, prótese, aparelhos corretivos, restauração de fraturas ocasionadas por acidentes, extração de dentes de leite, etc.



 Segundo a especialista estas são dicas importantes|

* para quem está comprando um filhote, é preciso desde cedo acostumá-lo a receber carinhos ao redor do focinho, tocando, também, sua boca e a superfície dos dentes. Sempre que ele aceitar os carinhos parabenize-o, com elogios, um petisco ou até um passeio, fazendo isso, a cada etapa subseqüente.
 
* em uma segunda fase enrole uma gaze no seu dedo e tente massagear as gengivas do cão, sempre com paciência, muita calma e por poucos minutos, tudo isso para ele ir se acostumando, aos poucos.

* o passo seguinte é utilizar a escova e a pasta de dentes específicas para cães (nunca utilizar a escova e a pasta de dentes de humanos, pois, são nocivas para os animais).
Só utilizar a escova no seu cão quando ele, realmente, já estiver “craque”.

P.S.| é importante lembrar de sempre gratificá-lo pelo bom comportamento e não repreendê-lo pelo mau comportamento, pois, ele pode ficar traumatizado com o procedimento e será muito mais difícil começar tudo de novo.
Em cães adultos já é mais demorado o aprendizado, mas com paciência, determinação e tempo, qualquer cão pode aprender.
E, no final ele irá adorar mais este carinho e interação com você.
Então, o ideal, pelo menos, é escovar os dentes três vezes por semana, dar somente ração seca, algo para roer (como ossinhos comestíveis, cenouras  inteiras) , brinquedos (como nó de corda), etc. Tudo isso ajuda na limpeza dos dentes.

 Novidade| Existe no mercado para prevenção do tártaro – os “CHEWS” que são tiras palatáveis que promovem a limpeza mecânica e enzimática dos dentes, pois, contém C.E.T. (complexo enzimático tiocianato) que age inibindo a formação da placa bacteriana, neutralizando o ácido por ela produzido. E, o seu cão irá adorar como um petisco!
Convém lembrar, finalmente, que depois dos 3 anos em média, deve-se levar, anualmente, ao dentista veterinário para uma boa profilaxia.
Enfim, agora que você já é  quase um “expert” neste assunto sobre dentista para cães, marque já uma consulta para o seu dog, porque, além de indispensável à boa saúde dele, ainda vai deixá-lo com um sorriso branquinho e sem aquele horrível “bafo de onça”.

É isso,  um abração, Feliz Ano Novo!
Tudo de bom para você e seu dog. Au- au!


Serviço|
Dra. Josaine  Maldaner Borges  |  Bucal Vet
fone| 48 |3322.0101
               9960.1165
e-mail| josaine@newsite.com.br
                   www.bucalvet.com.br







Amor imortalizado em arte
Retrospectiva canina
Dicas culturais
C„oversando
Pit Bull | Lenda urbana?
       
 
   
desenvolvido por VirtuaComm Soluções Internet